7 de junho de 2012

VOCÊ É RESPONSAVEL POR SI MESMO, HOMEM?


Você já parou e refletiu sobre as responsabilidades que você tem? São inúmeras responsabilidades e muitas vezes você as coloca em outras pessoas, acontecimentos, etc., mas esquece que a responsabilidade disso tudo é exclusivamente sua.

Tudo o que acontece na sua vida é responsabilidade sua, é culpa sua. Se as mulheres não te respeitam e você vive pensando:

“Ah, eu sou bom, elas que não me merecem!”

Você é um irresponsável!


Se você não está no emprego que você gostaria de estar ou não concluiu a “faculdade dos seus sonhos” é porque você não teve responsabilidade o suficiente para fazer tudo isso acontecer, pois como você sabe, tudo isso é possível e só depende de você cara.


Se sua ex namorada te desonrou, a culpa também é sua, mesmo sendo ela uma vadia repugnante que não tem respeito por si próprio, pois você deveria conhece-la, saber analisar suas condutas negativas, seu jeito, saber impor limites, respeito. Antes, você namorava a menina para conhece-la melhor, mas infelismente hoje, é melhor você conhece-la primeiro para ver se vai namorar.

Você ta na merda, ta fudido porque gastou toda a grana com besteira e ta todo endividado, falta de responsabilidade!

Seu salário não dá pra fazer mais nada além de pagar contas, falta de responsabilidade!

Geralmente os caras saem reclamando, entram em depressão, colocam a culpa em outras coisas (“Ah, eu tinha que comprar aquele carro em 1000 prestações, eu arrisquei mesmo sabendo que poderia ficar assim, mas eu pego muita mulher!”), ficam na zona de conforto e naquele marasmo, mas não sabem tomar as rédeas e dá um jeito na coisa toda! Ficam procurando desculpas para as merdas que fizeram, mas colocam a responsabilidade em tudo, menos nele mesmo!

Ta na hora de deixar de ser babaca e ser proativo.

A evolução está ai, a saída das situações as quais você considera como “problemas” estão com você, a responsabilidade é sua, seu insolente!

7 comentários:

  1. Boa Vlorenz!!!!!

    Esse complexo de vítima ou de reclamão é algo realmente repugnante, pior ainda num homem.
    Gostei também quando falou do revoltadinho com a ex que era vagaba.
    A verdade estava na cara dele o tempo todo e ele não se ligou, irresponsável.

    Excelente artigo cara e o tema escuro do blog agora ficou show!!!

    Abraço do DON

    ResponderExcluir
  2. Valew parceiro!
    É uma grande honra saber que voce tbm lê o Atitudes masculinas!

    abraço galo!

    ResponderExcluir
  3. Poxa fantástico
    E olhando bem,isso é realmente a definição de beta ( se eh que podemos definir):
    não assumir a responsabilidade
    DeAngelo nas suas 77 leis acho que a Número 3 ou 4 fala em se responsabilizar...
    Você é homem conhece seu valor sabe quando não está dando seu melhor e tem que assumir toda a responsabilidade por isso.
    Colocamos a culpa em tudo, mas sempre somos culpados podíamos ter agido diferente não ter sido reativo.
    Saído da Fatal zona de conforto lamentar não vai mudar nada, mas AGIR mudou , muda e mudará o MUNDO

    ResponderExcluir
  4. Ótimo e realista texto!

    ResponderExcluir
  5. Boa cara! mandou muito bem nesse post.

    A maioria das pessoas culpam Deus e o mundo pelas coisas ruins que acontecem em suas vidas, mas esquecen que é de sua inteira responsabilidade fazerem as coisas acontecerem em sua vida. Tomara que depois de ler esse texto, muitos possam acordar para a vida, e sairem de suas zonas de conforto! Valeu, abraço!!

    ResponderExcluir
  6. Muito bom esse artigo meu rapaz. Muito maduro para a idade que tem (ou que diz ter. Ainda sou desconfiado com a internet). Só atente aos erros de português. Seus textos ficarão bem mais respeitosos. "infelismente" é com z. Pode ser apenas um vício de linguagem, distração ou uma leve dislexia. Existem muitos disléxicos que não sabem que são, inclusive em outras línguas,isso sempre foi recorrente, mas apenas hoje que estão chegando a essa conclusão. Muitos bullings poderiam ter sido evitados. Não me entenda mal. Não estou te chamando de burro e nem de problemático. Sou apenas um professor de português que leciona instintivamente vinte e quatro horas da minha vida. Não tenha vergonha de procurar no dicionário. Eu mesmo o uso a todo instante, falhas acontecem com todos. Não gosto desses neologismos excessivos que fazem com os idiomas, enfraquecem a tradição linguística e a prática da escrita. Mas a linguagem figurada aproxima mais o leitor do eu lírico, por isso, com a dose certa, os neologismos são saudáveis. Tenha o hábito de reler o que escreveu. Se já o tem, ótimo.
    Meu filho me mostrou esse blog. Me preocupo com a juventude hoje e ter visto isso aqui me confortou. Mas ainda assim sou a favor do romantismo. Sou viúvo e vivi um amor que poucos tiveram a chance de ter. Algo que só Deus explica mesmo, predestinação divina, não sei se acredita nisso. Não escondo e não escondia meu amor pela minha esposa na época em que era viva e assumir isso é muito másculo também. Abraços, Luciano

    ResponderExcluir
  7. Eu já fui assim, revoltado, reclamão, tudo era culpa de todos e nunca minha, com o passar dos anos e com as adversidades que tive na vida, fui amadurecendo e aprendendo a assumir meus erros e minhas responsabilidades. Hoje acho engraçado quando vejo outros caras fazendo exatamente o que eu fazia. Já tentei aconselhar alguns garotos sobre isto, mas parece que quando jovens somos imunes a este tipo de informação, sabemos que está errado e fazemos assim mesmo. Fazer o que? Espero que eles amadureçam e se livrem destes vícios o quanto antes, pois assim como eu me dei mau várias e várias vezes por causa destas atitudes, eles com certeza também se darão. Evoluam caras, amadureçam, assumam suas responsabilidades, vocês só têm a ganhar.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...